Notícias

Programa 3S distribui Kit Perdas que ajuda a combater o desperdício de grãos durante a colheita

 

Com o objetivo de orientar o combate ao desperdício de grãos no momento da colheita de soja, o Programa 3S distribuiu o Kit Perdas para produtores atendidos nos Estados do Mato Grosso e do Pará. A redução do desperdício na colheita é um dos quesitos considerados no diagnóstico do 3S, compondo um dos temas do protocolo de sustentabilidade do programa, que é o Desperdício – Food Waste.

Tecnologia desenvolvida pela Embrapa Soja, o kit é composto armação para coleta dos grãos, pinos fixadores, copo medidor de perdas e manual de instruções. É uma metodologia eficiente, prática e de rápida realização, que permite aferir as perdas e/ou os desperdícios de grãos que ocorrem durante o processo de colheita da soja, sem a interrupção da operação da máquina, para níveis quantificados de até uma saca de 60 kg por hectare.

As entregas foram realizadas pelas equipes de assistência técnica do Instituto BioSistêmico (IBS) no início deste ano, quando os atendimentos presenciais estavam sendo realizados normalmente. Com a suspensão temporária dos atendimentos presenciais como medida de enfrentamento à pandemia de coronavírus, nem todos os produtores receberam o Kit Perdas. Mas assim que os atendimentos presenciais puderem ser retomados, todos os produtores receberão.

“Após a passagem da colheitadeira no campo, deve-se colocar a armação onde a máquina passou, considerando uma área de 2 m². Dentro dessa área, deve-se coletar todos os grãos de soja que estiverem lá, e colocar no copo medidor, que demonstra as perdas diretamente em sacas por hectare. Até uma saca (60 kg), é tolerável. Mais que isso, é necessário regular a máquina”, orienta o engenheiro agrônomo Flávio Gonçalves que atende pelo 3S nos Estados do Pará e do Mato Grosso.

De acordo com Flávio, a receptividade dos produtores foi excelente, principalmente por ser uma ferramenta de fundamental importância no dia a dia do cultivo. Alguns não conheciam a metodologia e aqueles que já conheciam não dispunham de um kit.

“Sem essa ferramenta, muitas vezes, o produtor tem dificuldade em precisar quanto exatamente de soja está ficando no campo após a passagem da máquina. Então, com esse kit de fácil utilização, poderá ter ideia das perdas no campo e, dessa forma, regular corretamente as máquinas, minimizando os prejuízos”, acrescenta o engenheiro agrônomo.

Sobre o programa

Um programa de melhoramento contínuo de sustentabilidade das fazendas produtoras de soja que permite o produtor melhorar seus indicadores sociais, ambientais e produtivos. Essa é a proposta do Programa 3S (Soluções para Suprimentos Sustentáveis) da Cargill que conta com execução do Instituto BioSistêmico.

, , , , , , ,

Voltar ao topo