Notícias

Produtores do Paraná aprovam o trabalho realizado no Programa 3S

Da esquerda para direita, o consultor do IBS Ricardo Roso, o prefeito e o vice de Prudentópolis, respectivamente Adelmo Luiz Klosowski e Osnei Stadler, além do comprador da Cargill Bruno Francisco Sartori.

Da esquerda para direita, o consultor do IBS Ricardo Roso, o prefeito e o vice de Prudentópolis, respectivamente Adelmo Luiz Klosowski e Osnei Stadler, além do comprador da Cargill Bruno Francisco Sartori.

As primeiras sensibilizações do Programa 3S foram realizadas no Estado do Paraná, durante o mês de junho do ano passado. Depois disso foi realizado um minucioso diagnóstico das propriedades, que foi o primeiro passo na realização do planejamento e para a construção do plano de ação. Entre os meses de janeiro e fevereiro, foram realizadas as devolutivas dos diagnósticos com a entrega do relatório e do plano de ação em 64 propriedades nos municípios de Ponta Grossa, Tibagi, Prudentópolis, Irati e União da Vitória.

Para o produtor Osnei Stadler, atual vice-prefeito de Prudentópolis, o diagnóstico serviu para mostrar os problemas e as soluções da propriedade, assim como quantificá-las e qualificá-las. “Alguns desafios expostos no relatório já eram de conhecimento e outros nos mostraram uma nova realidade e todos são possíveis de serem realizados”, afirmou. Ele acrescentou que é importante participar do 3S, pois o programa viabiliza a readequação da propriedade às novas regras que devem orientar uma gestão em conformidade com as atuais demandas sociais, ambientais e de aumento de produtividade.

“O Programa 3S ajuda o produtor a olhar para a sua operação e identificar pequenas falhas na organização da fazenda. Já tínhamos conhecimento de boa parte dos desafios expostos no relatório e, como nossa propriedade é familiar, creio que todos os desafios elencados no plano de ação são possíveis de serem superados”, garantiu o agricultor André Giostri de Ponta Grossa.

De acordo com Giostri, é fundamental participar do programa para elevar a qualidade da soja produzida, ampliar o mercado para venda do produto, além de contribuir para a organização da propriedade e melhoria do bem-estar dos colaboradores. Ele acrescentou que o Programa 3S garante a qualidade e procedência da soja comercializada, o que contribui para agregar valor à produção.

Sobre o programa

Um programa de melhoramento contínuo de sustentabilidade das fazendas produtoras de soja que permite o produtor melhorar seus indicadores sociais, ambientais e produtivos. Essa é a proposta do Programa 3S (soluções para suprimentos sustentáveis) da Cargill que conta com execução do Instituto BioSistêmico (IBS).

, , ,

Voltar ao topo